Plano safra 23/24: 3 dicas indispensáveis para planejar a sua

Plano safra 23/24

Nesse texto, pensamos em trazer alguns cuidados para o plano safra 23/24 que notamos que boa parte dos pequenos produtores esquecem. Sabe aquele ditado sobre o “básico bem feito”? Estamos falando sobre considerar possíveis riscos climáticos e como controlá-los da melhor forma. Muito por conta da recente experiência com o El Niño.

Então, antes de pensar e traçar os detalhes mais específicos da próxima safra, como estratégias e orçamentos, se atente as seguintes questões:

Porque considerar os efeitos do El Niño de 2023

Os efeitos do El Niño ainda podem respingar no início do plano safra 23/24, mas queremos ir além disso nesse exercício. A mensagem que ficou sobre essa adversidade climática é que muitos dos pequenos e médios produtores ainda não estão preparados para enfrentar situações desse tipo.

Ou seja, na prática, o que precisa ser feito em qualquer planejamento é encontrar respostas para as seguintes perguntas:

  • O que eu faria de diferente no meu planejamento se soubesse que o El Niño afetaria muito negativamente a produtividade da minha lavoura?
  • Existe alguma prática que já posso implantar na minha propriedade para me precaver de eventos climáticos adversos na safra 23/24?

Conhecer os financiamentos e seguros disponíveis

Para te ajudar a responder as perguntas acima, uma forma de começar a ter um plano mais seguro para suas safras é conhecer os programas de financiamentos e seguros rurais.

No caso do primeiro, para conquistar maquinários e sistemas necessários para a produtividade e segurança dos cultivos. No segundo, para ter um plano B em caso de perdas totais ou prejuízos muito graves por conta do clima.

Para tal, sugerimos a leitura dos seguintes artigos:

Planejar o investimento em um sistema para a irrigação

Outra resposta para aquelas duas perguntas é o investimento em um sistema de irrigação. Sempre falamos aqui no blog que essa prática não é somente para garantir que as plantas recebam a água necessária em períodos de escassez de chuvas.

Mas, mesmo em climas estáveis, é a forma que o produtor tem de controlar se os cultivos estão recebendo a quantidade adequada de água para suas necessidades específicas.

Além disso, entre os benefícios da irrigação, temos vários que tornam o negócio mais seguro, como plantas mais saudáveis e resistentes a climas extremos, pragas e outros fatores externos.

A boa notícia é que existe o carretel de irrigação como uma opção mais viável ao pequeno produtor, de fácil manejo e com baixo custo de instalação. Para saber mais, veja alguns conteúdos com curiosidades e informações sobre os carretéis da Irrigat:

Banner Blog 720x180 3