fbpx

Seguro rural: o que é, como funciona e vantagens

Paisagem de um campo de plantio com pôr-do-sol.

Com tantas adversidades que podem comprometer sua produção, contar com um seguro rural é uma ótima alternativa para evitar prejuízos diante de qualquer contratempo.

Mas o que é esse seguro? Como funciona? Quem pode contratar? Nós vamos esclarecer essas e outras dúvidas muito comuns sobre o assunto, para que assim, você entenda se contar com o seguro rural é o ideal para sua produção.

O que é o Seguro Rural

Considerado um dos mais importantes instrumentos de política agrícola, o seguro rural é uma solução encontrada para proteger o produtor de fatores naturais adversos que podem implicar na produção, e assim, gerando prejuízo.

Sendo também fundamental para a modernização tecnológica da agricultura, esse tipo de seguro protege:

  • a atividade agrícola;
  • a pecuária;
  • o patrimônio do produtor rural e seus produtos;
  • o crédito para comercializar a produção;
  • o risco de morte dos produtores.

Assim, ao contratá-lo, o produtor tem a possibilidade de recuperar o capital investido na sua lavoura, tendo a garantia de evitar um enorme prejuízo ou pelo menos reduzi-lo.

Como funciona o Seguro Rural

O seguro rural funciona como um seguro normal, trazendo a possibilidade do produtor reaver o capital investido em uma produção afetada por adversidades naturais diversas.

Entretanto, o contrato de seguro funciona de formas diferentes de acordo com a seguradora e o tipo de acordo definido entre ambas as partes.

Quem pode contratar

Em tese, todos os produtores podem contar com um tipo de seguro rural. Entretanto, as seguradoras oferecem o seguro para o agronegócio em regiões economicamente viáveis, considerando estudos técnicos de condições de solo e de clima.

Assim, contam com esse serviço as culturas consideradas seguras e aceitas pelas seguradoras.

Os pequenos produtores podem contar com programas como o Proagro (Programa de Garantia da Atividade Agropecuária), um programa do governo para pagamento do custeio agrícola, em casos de ocorrência de fenômenos naturais, pragas e doenças que atinjam bens, rebanhos e plantação.

Quais tipos existem

Existem tipos de seguro para todas as etapas da produção, indo desde o plantio, passando pelo armazenamento de insumos e mercadorias até o beneficiamento e processamento dos produtos.

Assim, as seguradoras em geral, oferecem 3 tipos de coberturas:

Custeio

Quando o seguro contratado cobre os custos de produção da cultura. Logo, fornece uma cobertura do que foi investido na safra.

Produtividade

Assegura os custos de produção e a expectativa de produtividade. Com base nisso, considera o histórico do produtor, da região e o nível tecnológico da propriedade.

Receita

Além de garantir os custos de produção e a expectativa de produtividade, cobre a variação de preço do produto no período segurado, pagando ao produtor o valor atual de mercado.

Bancos que oferecem

Em geral, a grande maioria dos bancos e seguradoras podem oferecer esse tipo de seguro, é o caso do Banco do Brasil e do Bradesco, por exemplo.

Entretanto, para os pequenos produtores existem opções governamentais que podem vir a ser a solução mais viável, como o Proagro e o PSR.

Melhore sua produção com a IRRIGAT

Embora a ideia de contar com o seguro rural seja indispensável, há maneiras de evitar que ele precise ser acionado, como o uso da irrigação correta em períodos de seca, melhorando sua produção de forma inteligente.