fbpx

Como aproveitar melhor a fertirrigação

Diante da popularização da fertirrigação, é provável que já conheça essa técnica. Trata-se de um processo pelo qual se busca aplicar fertilizantes ao solo, mas por irrigação.

Você gostaria de saber mais sobre a fertirrigação e, assim, aprender a melhor aproveitar essa solução? Então, continue a leitura.

O que é fertirrigação?

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, mais conhecida pela sigla Embrapa, define a fertirrigação como o processo pelo qual se aplica fertilizantes ao solo via irrigação.

Vale acrescentar que o processo de fertirrigação pode ser realizado por diferentes sistemas de irrigação, como, por exemplo, aspersão ou localizada. No primeiro caso, o aspersor expele água para o ar, simulando uma chuva artificial que cai sobre o solo e plantas. É o aspersor o produto responsável pela pulverização do jato de água. No segundo caso, a água é aplicada em apenas uma parte da superfície do solo, mais precisamente no local onde a cultura se encontra.

Em síntese, a fertirrigação é um processo que permite ao agricultor ou fazendeiro administrar eficientemente a quantidade de nutrientes que deve ser aplicada ao solo ou à cultura, de maneira que cresça de forma saudável e forte.

Vantagens do uso da fertirrigação

A fertirrigação é um processo que pode garantir diversos benefícios ao agricultor ou fazendeiro. Confira alguns a seguir:

  1. De certo modo, podemos dizer que se trata de uma técnica que gera economia de mão de obra para aplicação, pois se trata de um sistema autossuficiente;
  2. Também podemos dizer que gera economia e eficiência no uso de fertilizantes, pois estes se encontrarão na forma solúvel, sendo, dessa maneira, prontamente absorvidos pelas raízes;
  3. Possibilita que o fazendeiro ou agricultor tenha maior controle em relação à profundidade de aplicação dos fertilizantes, em razão da lâmina de água;
  4. Por fim, é um processo que gera menor impacto ou danos físicos à cultura.

Como aproveita-lá melhor?

Como vimos, a fertirrigação é um processo que pode garantir diversas vantagens ao agricultor, como a redução de custos, por exemplo. Todavia, é importante destacar que para aproveitar melhor a fertirrigação, é preciso adotar algumas atitudes. Veja:

    1. Solubilidade dos elementos (água, fertilizantes, etc.)

Um dos principais problemas da fertirrigação é a solubilidade dos elementos. Por isso, como dica, selecione fertilizantes que têm compatibilidade entre si. Além disso, é preciso escolher uma água com baixo teor de salinidade.

    2. Águas com alto teor de salinidade podem provocar danos severos ao solo e, devido a isso, causar a morte de culturas, como vegetais (batata, feijão, cebola, etc.), por exemplo. Adoção de pessoal especializado

Embora se trate de um sistema autosuficiente, contar com pessoal especializado pode fazer com que aproveite melhor as vantagens dessa tecnologia. Aliás, essa é uma dica que você pode aplicar não apenas a esse processo, mas a qualquer outro.

    3. Escolha do sistema de irrigação ideal 

Ainda que o processo de fertirrigação possa ser realizado por qualquer técnica ou sistema de irrigação, é importante que escolha um que possa atender melhor a demanda de sua cultura por água. Fazendo isso, você também valorizará o processo de aplicação de fertilizantes em sua plantação.

Gostou deste conteúdo? Esperamos que sim. Para ler outros como este, não deixe de acompanhar as publicações em nosso blog.