fbpx

Da preparação do solo à colheita: saiba como fazer o plantio de batata

Da preparação do solo à colheita: saiba como fazer o plantio de batata

Você sabe por que o plantio de batata é importante para o mundo? Esse tubérculo é a terceira cultura alimentar do planeta, e estima-se que mais de 1 bilhão de pessoas consomem o alimento diariamente. Para atender à demanda, cerca de 330 bilhões de toneladas são produzidas por ano. 

No Brasil, a produção anual do tubérculo é de aproximadamente 3,5 milhões de toneladas. Se você trabalha no plantio de batata e deseja melhorar a produção agrícola ou planeja investir nesse ramo do agronegócio, confira neste post algumas orientações de como fazer plantação de batata

O que o agricultor precisa saber para fazer o plantio de batata?

O preparo do solo para plantio de batata e o manejo correto da irrigação estão entre os pontos de atenção que o produtor precisa ter para uma colheita de qualidade. Neste post, você vai aprender como realizar o cultivo correto desse importante tubérculo para o agronegócio e para a alimentação. 

1 – Preparação e manutenção do solo 

O solo para o cultivo deve ter boas condições para o crescimento do tubérculo e das raízes. As raízes podem se desenvolver até um metro de profundidade. Porém, a maior concentração costuma ocorrer entre 0 e 30 centímetros.

Dessa forma, o plantio de batata deve ser feito em solos profundos, estruturados e com boa fertilidade. Além disso, terrenos planos são uma boa opção, pois favorecem o uso de máquinas e têm menos propensão à erosão.

Como o sistema radicular da batata é delicado, alguns tipos de solos devem ser evitados:

  • solos sujeitos ao encharcamento: por prejudicarem o arejamento das raízes, fazem com que os tubérculos apodreçam;
  • solos erodidos, compactados ou argilosos: podem dificultar o preparo e causar deformação nos tubérculos;
  • solos onde foram cultivados solanáceas: essas áreas não permitem um bom desenvolvimento do plantio de batata.

Correção do solo 

A plantação de batata não se desenvolve em solos que estão com o pH abaixo do indicado. Para resolver esse problema, o produtor rural pode utilizar técnicas de correção da acidez, como a calagem, que deve ser feita com base na análise adequada do solo.

Adubação do cultivo

Devido ao crescimento rápido, o cultivo de batata requer nutrientes na dose correta para se desenvolver com qualidade. Porém, tanto o excesso quanto a falta de nutrientes aplicados na adubação prejudicam o plantio de batata, sobretudo na fase de enchimento. 

 

Ademais, é fundamental realizar a avaliação do estado nutricional do plantio de batata para avaliar se há necessidade de aplicação de fertilizantes e defensivos químicos contra pragas e doenças. 

2 – Irrigação do plantio de batata

O plantio de batata é muito sensível à falta d’água, por isso, o agricultor não pode contar apenas com chuva natural. Contudo, o excesso de irrigação também é prejudicial para a produção devido à lixiviação e ao surgimento de doenças no solo. 

Assim, o solo deve ficar úmido, mas não encharcado. O produtor também deve se atentar à irrigação uniforme da produção. Para o manejo correto da cultura de batata, é essencial levar em conta fatores como os índices pluviométricos da região, o sistema de plantio e o tipo de solo. 

Entretanto, a necessidade total da cultura, com a evaporação do solo incluída no cálculo, varia de 250 mm a 500 mm. Mesmo com esse número definido, em regiões quentes e secas, o total pode ultrapassar 600 mm.

3 – Doenças e pragas do cultivo 

Existem algumas doenças e pragas que podem atingir os cultivares de batata, principalmente por excesso ou falta de água. Sendo assim, é essencial manter o solo sempre limpo e fazer o controle de ervas daninhas. 

O produto agrícola também deve evitar o uso abusivo de agrotóxicos, pois esses produtos prejudicam o plantio de batata. Veja quais são as principais doenças e pragas que podem interferir na produção do tubérculo.

Doenças causadas por fungos:

  • requeima;
  • pinta-preta;
  • rizoctoniose;
  • sarna-pulverulenta;
  • podridão-seca;
  • olho-pardo;
  • sarna-prateada.

Doenças causadas por bactérias:

  • murchadeira;
  • podridão-mole;
  • sarna-comum.

Doenças causadas por nematoides:

  • nematoide;
  • nematoide-da-pinta;
  • nematoide-do-cisto.

Doenças causadas por vírus:

  • enrolamento das folhas;
  • mosaico;
  • clorose;
  • mosaico-deformante;
  • vira-cabeça.

Pragas que atingem o plantio de batata:

  • vaquinha;
  • pulgões;
  • mosca-minadora;
  • traça;
  • cigarrinha;
  • lagarta-rosca;
  • burrinho;
  • mosca-branca.

4 – Colheita da batata

Se tudo acontecer dentro das condições favoráveis, a colheita da batata pode ser feita três meses depois do plantio, após a secagem das ramas. Geralmente, em produções menores, esse processo é feito manualmente. Em hectares maiores, essa atividade pode ser feita por meio de equipamentos mecanizados específicos. 

Após a colheita, as batatas devem ficar longe dos raios solares e precisam ser armazenadas e transportadas de forma que permita a ventilação. Além disso, o transporte deve ser feito com o devido cuidado para evitar defeitos que prejudiquem a qualidade do tubérculo ou o surgimento de doenças.

Sistema de irrigação para plantio de batata é na IRRIGAT 

Como você leu neste post, as condições climáticas e o sistema de cultivo influenciam bastante na demanda de água para as plantas. Vale lembrar: para o seu plantio de batata ser ainda mais produtivo, você precisa de um sistema de irrigação efetivo.

Clicando aqui, você vai conhecer os sistemas de irrigação e fertirrigação por carretel da IRRIGAT e como eles podem ser usados para uma produção de batata de qualidade — voltados para pequenos e médio agricultores.